Arquivos da categoria: Sugestões de Leitura

Livro ‘Let My People Go Surfing’

let my people go Surfinglet my people go surfing Yvon Chouinard

Este não é um livro sobre plantas, é um livro sobre empresas. Ou melhor, sobre uma empresa muito especial, a Patagonia, e sobre o surfista, escalador e businesman Ivon Chouinard, um ex-hippie que começa o livro quase se desculpando por ser empresário.

Um livro sobre caráter, sobre princípios acima dos lucros. Um livro que mostra que é possível conciliar sucesso a valores morais, e que, se não for, existem pessoas dispostas a pagar o preço e abrir mão do sucesso.

Uma das primeiras (talvez a primeira) empresa a ter creche no local, usar algodão orgânico e tingimentos não poluentes em toda sua linha e criar um serviço de conserto ou reciclagem de roupas usadas, a Patagonia apoia movimentos conservacionistas por um motivo quase ingênuo: “para que continuem a existir os lugares onde gostamos de praticar nossos esportes”.

Embora o limiar de viabilidade tenha sido desafiado e quase ultrapassado, com críticos de mercado anunciando o fim da empresa idealista, ao invés de sucumbir, hoje a Patagonia é o exemplo, quando se quer citar uma empresa que existe por um objetivo maior, para mudar o mundo, não apenas para gerar dividendos aos acionistas.

Livros ‘Justiça’ e ‘O que o dinheiro não compra’

JusticaJustiça e O que o dinheiro não compra Michael J. Sandel

Esses dois livros não falam de plantas, e sim sobre nossa atuação, consciente ou inconsciente, no mundo.

O autor é professor em Harvard, e seu curso “Justice” é um dos mais populares e influentes naquela Universidade. Quase mil alunos aglomeram-se para ouvir Sandel relacionar as grandes questões da O que o dinheiro nao comprafilosofia política aos mais prosaicos assuntos do dia-a-dia.

Baseado nesse curso, “Justiça” tem vida, provoca o raciocínio e é sábio — uma nova e essencial contribuição para a pequena prateleira dos livros que abordam, de forma convincente, as questões mais difíceis da nossa vida cívica.

“O que o dinheiro não compra” analisa a interferência das leis de mercado em áreas até pouco tempo regidas por outros valores.

    Algumas das boas coisas da vida são corrompidas ou degradadas quando transformadas em mercadoria. Para decidir quando o mercado faz sentido e onde deveria ser mantido à distância, precisamos decidir que valor atribuir aos bens em questão. Abordando superficialmente as questões, é fácil dizer “isto é muito nobre para ser vendido”, mas ao analisar cada caso profundamente, raramente a resposta é tão simples.

     Não é um livro moralista que simplesmente condena tudo que “está por aí”. Pelo contrário, levanta muitas questões as deixa em aberto, para que reflitamos sobre elas e sobre o mundo que estamos construindo com nossas escolhas, nossas ações e omissões.

Livro ‘Primavera Silenciosa’

PrimaverSilent springa Silenciosa Rachel Carson

Raramente um único livro altera o curso da história, mas este fez exatamente isso. O clamor que se seguiu à sua publicação em 1962 forçou a proibição do DDT e instigou mudanças revolucionárias nas leis que dizem respeito ao nosso ar, terra e água.

A preocupação apaixonada de Carson como futuro Primavera Silenciosade nosso planeta reverberou poderosamente por todo o mundo, e seu livro eloquente foi determinante para o lançamento do movimento ambientalista. Em 2000, este notável trabalho foi considerado, pela Escola de Jornalismo de Nova York, uma das maiores reportagens investigativas do século XX.

Livro 'Backyard Fruits and Berries'

Backyard FBackyard Fruits and Berriesruits and Berries: Everything You Need to Know About Planting and Growing Fruits and Berries in Your Own Backyard Miranda Smith

Este lindo livro não fala de cultivo comercial, mas das muitíssimas vantagens de se cultivar frutas no quintal. Com belas pranchas de espécies, a única restrição é que são todas espécies de clima temperado. No sul e no sudeste, podemos aproveitar peras, pêssegos e outras, mas nas regiões mais quentes, é um belo livro com aplicação restrita. Ainda assim, um belo livro!

Livro 'Teaming with Microbes'

Teaming Teaming with microbeswith Microbes: a gardener’s guide to the soil food web Jeff Lowenfels

 Depois de ler este livro, nunca mais consegui olhar para a terra como um conjunto de coisas imóveis (grãos minerais, água, matéria orgânica morta, NPK e micronutrientes), que as plantas precisavam alcançar.

Os autores apresentam, bem debaixo de nossos pés (e raízes), um animado entreposto comercial de matérias orgânicas e inorgânicas. Atores conhecidos (como as minhocas) contracenam com outros de nomes esquisitos, grandes e pequenos, visíveis e invisíveis, todos contribuindo – num solo saudável – para que as plantas obtenham a saúde e nutrição de que precisam.

Na segunda parte, ensinam como ajudá-los e obter a colaboração desses trabalhadores subterrâneos, “teaming with microbes”, trabalhando em equipe com eles.

Livro "Landscaping with fruit"

Landscaping with fruit – Lee Reich

Antes mesmo de iniciar o cultivo das berries, sempre gostei de paisagismo, e esse livro tem uma proposta muito bacana de uso de plantas frutíferas como elementos focais no paisagismo.

As espécies sugeridas nem sempre se adequam ao nosso clima, mas as ideias são facilmente aplicáveis a arbustos, árvores e trepadeiras frutíferas que costumamos ver confinados em pomares, mas bem podem enfeitar o jardim da entrada.